Como funciona um sistema para gestão de loteamento?

0

 

Quem possui uma construtora, sabe muito bem o quanto é interessante ter um sistema de loteamento, não é mesmo? De modo geral, um loteamento seria uma forma de parcelamento do solo urbano, fracionando-o em porções menores, com o objetivo de alienar ao público as partes, em prestações sucessivas e periódicas. Esse fenômeno é regido pela Lei nº 6.766/79, Lei de Parcelamento do Solo Urbano, que estipula que loteamento visa integrar sua área à estrutura urbana existente, desenvolvendo um prolongamento da cidade e criando um novo bairro. Dessa forma, a característica mais marcante do loteamento, é a criação de novas ruas e avenidas ou então de um conjunto de casas.

Neste sentido, um sistema para gestão de loteamento pode ser imprescindível para superar momentos conturbados, como o atual, e retomar o crescimento. Basicamente, essa é uma ferramenta que pode ajudar na seleção de um projeto em substituição de outro que pode não ser tão atrativo para a sua companhia. Portanto uma ferramenta pode ser muito útil para encontrar novos projetos, definir as prioridades de seu empreendimento, fazer um sistema para gestão de loteamento com mais qualidade, aprimorar os métodos de avaliação, projetar os próximos passos a curto, médio e longo prazo, além de cortar algumas despesas operacionais. Dentre os principais benefícios, podemos intentar itens como

  • Financeiro integrado com contas a pagar, a receber e controle bancário.
  • Plano de contas e gerenciamento das despesas de cada empreendimento.
  • Cadastro de loteamentos, quadras e lotes.
  • Integração com a contabilidade
  • Emissão do contrato de venda no word ou PDF.
  • Gerenciamento da carteira de recebimentos.
  • Multi-empresa e multi-loteamentos.

Pensando nisso, na hora de utilizar um sistema para gestão de loteamento, entre em contato conosco da Expert System.

Deixe Seu Comentario


Deixe seu Comentário.